Quinta-feira, 1 de dezembro de 2022
Balneário Camboriú

Câmara de Balneário Camboriú aprova crédito de R$ 2,6 milhões para combate à pandemia

O plenário da Câmara de Vereadores de Balneário Camboriú aprovou, na sessão desta quarta-feira (07), o Projeto de Lei Ordinária 54/2021, do Poder Executivo. A proposta foi protocolada pelo prefeito Fabrício Oliveira e estabelece uma reserva de mais de 2 milhões e seiscentos mil reais para o fundo municipal de saúde. A verba deve ser usada para ações de combate à pandemia de covid-19, como contratações de profissionais de saúde, compras de equipamentos como respiradores e ventiladores pulmonares e até a higienização de roupas de profissionais que atuam na linha frente de combate ao vírus.

O projeto, porém, foi questionado por alguns parlamentares. Entre os pontos abordados, está o valor orçado pela prefeitura para a higienização dia uniformes dos profissionais de saúde do hospital Ruth Cardoso e do centro de acolhimento e tratamento a COVID-19, considerado elevado.

O vereador Gilson Rodrigues, líder do governo na Câmara, explicou a alta no valor por conta do contexto de pandemia. “Ninguém aqui está rasgando dinheiro, ninguém aqui está gastando 5x mais. O Prefeito não tem nada a ver com isso. É uma licitação.”

A lei que estabelece a reserva já está em vigor. Até agora, Balneário Camboriú já gastou quase quatorze milhões de reais em ações de combate à pandemia do novo coronavírus.